À sombra de cronistas imortais

por Eduardo Godoi

Prezados Leitores

Nestas primeiras linhas, destaco a felicidade que me acompanha desde o convite feito pelo Boosabum Giovani Godoi (2o. Dan ITF) para ombrear, no espaço de seu blog (www.taekwondoparatodos.com.br/blog), a um time já repleto de craques. É certo que faço parte da retaguarda: beque central de outro tempo, que mata o poema na porta do gol e pouco avança. Ah, se eu fosse um Newton Santos, eu dava até safanão com elegância…

No Brasil, em meio a uma vária oferta de programas esportivos para rádio e televisão em que a baixa qualidade jornalística é sensível, nota-se a presença, na imprensa escrita, de grandes mestres da literatura fazendo-nos sonhar cotidianamente através da crônica esportiva. Segundo Túlio Velho Barreto – Cientista Político e Pesquisador da Fundação Joaquim Nabuco

“Sem dúvida, os maiores craques da crônica esportiva brasileira foram José Lins do Rego e os irmãos Mario Filho e Nelson Rodrigues. Se não fossem da mesma geração poderiam ser comparados a Friedenreich, Leônidas e Pelé ou Domingos, Zizinho e Garrincha. Mas, contemporâneos, podem ser comparados ao meio-de-campo formado por Clodoaldo, Gérson e Rivellino. Infelizmente, os três não tiveram sucessores à altura, apesar da qualidade de João Saldanha, Armando Nogueira e Luis Fernando Veríssimo, por exemplo, e da profusão de craques que se sucedem dentro das quatro linhas.”

(http://ueba.com.br/forum/index.php?showtopic=24241)

Para os mais jovens, Mestre Armando Nogueira é o grande modelo cuja arte diluimos, inevitavelmente, ao tentarmos imitá-lo:  como é difícil para nós a expressão exata e agradável em poucas palavras !!! Fôssemos Nogueira, um parágrafo nos bastaria para narrar a epopéia de uma luta. Ou, como ele mesmo disse sobre habilidade de Garrincha para driblar:

“Para Mané Garrincha, o espaço de um pequeno guardanapo era um enorme latifúndio.”

(http://jc.uol.com.br/canal/esportes/noticia/2010/03/29/frases-marcantes-de-armando-nogueira-217915.php)

Postas as minhas limitações como cronista que se encolhe à sombra de gigantes, tenciono fazer umas digressões sobre a arbitragem dentro das competições do Taekwon-Do ITF, tema que promove discensos e gera também debates acalorados. Já com alguma experiência como Árbitro e com bastante estudo sobre o assunto, quero contribuir um pouquinho com os meus artigos para que todos – Árbitros, Competidores, Técnicos, Professores e Torcida – possamos construir uma cultura de arbitragem mais saudável, mais profissional e mais justa. Espero elevar o tema, sem maniqueísmos ou simplificações, a um patamar de destaque, arrostando também as questões polêmicas, conquistando corações e mentes. Como será fácil perceber em meus textos, apaixonam-me os torneios em seus vários aspectos: a arbitragem arrebata-me.

Bons dias !!!

Sabum Nim Eduardo Godoi (4o. Dan)

Ch’ang Hon Ryu Taekwon-Do Brasil
Rua Armando Steck, 408 – sala 3 – Centro – Louveira – SP – CEP 13.290-000

P.S.: Para todos os amantes do esporte e da literatura, recomendo fortemente o livro “À sombra das chuteiras imortais”. Leia, a seguir, a sinopse da obra que encontrei no web site da Livraria Cultura

À sombra das chuteiras imortais, a primeira coletânea das crônicas esportivas de Nelson Rodrigues, reúne setenta textos que Nelson publicou na extinta revista Manchete Esportiva e em O Globo entre os anos de 1955 e 1970. Elas cobrem o período mais rico e fascinante do futebol brasileiro – aquele que vai da derrota do Brasil para o Uruguai, na final da Copa de 50, em pleno Maracanã, à conquista definitiva do tricampeonato no México, em 1970, passando pelas emoções que transformaram a idéia que o brasileiro fazia de si mesmo.” (www.livrariacultura.com.br)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: