Desplugados

por Laís Semis 

Fora do Planet Hemp, depois de passar uma onda na cadeia, Marcelo D2 entrou em carreira solo, não abandonando totalmente a banda que retornaria ao estúdio e ao palco mais tarde. Em “Eu Tiro É Onda”, de 98, e em “À Procura da Batida Perfeita”, de 2003, D2 já tinha seu repertório de hip-hop com samba, mas foi o “Acústico MTV” que o ajudou a conquistar um público diferente e invadir até mesmo casas que não compartilhavam da ideologia do Planet Hemp.

Capa do Acústico MTV Marcelo D2

Marcelo D2, mais do que convidar o brasileiro para conhecer seu repertório em seu “Acústico”, deu uma nova imagem a um conhecido músico, fazendo do disco desplugado mais do que um portfólio. Outros, porém, se utilizaram do “Acústico” para mostrar a outra face, ressuscitar sucessos passados e pedir uma segunda chance a uma nova geração.

Em sua versão americana, o “Unplugged” provou que ao menos uma vez na carreira de grandes artistas é necessário deixar as distorções e toda a brincadeira elétrica de lado. Em 94, o Nirvana se dispôs a fazer um som acústico em Nova York, tocando seis faixas covers, três delas do Meat Puppets, como uma homenagem aos seus, até então, semi-desconhecidos ídolos e mostrar que também havia potencial num Nirvana menos elétrico.

Kurt Cobain, do Nirvana, durante o MTV Unplugged in New York

Já para o Capital Inicial, embora o disco trouxesse de volta os hits em novas versões, evidenciando seu passado de músicas consagradas e que se deixaram apagar por tentativas frustradas de discos-sucesso, ele foi o divisor de águas, o ponto de partida de uma carreira que estava em contínua decadência para uma que emplacaria sucessivos acertos. O disco renovou a carreira da banda, assim como aconteceu com os Engenheiros do Hawaii e o Kid Abelha, e por isso a tradição dos Acústicos segue, à procura da batida perfeita de cada artista ou, pelo menos, de uma face reluzente deles. 

2 Respostas

  1. yeah nice

  2. […] Este artigo foi publicado originalmente em 05 de fevereiro de 2011, Taekwon-Do, Arte e Vida. […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: