Saber envelhecer

por Eduardo Godoi

Prezados Leitores

Completos quase, os meus quarenta anos podem jactar-se de umas memórias e de um passado realmente vivido ou reelaborado através de umas lentes que carrego. E, certamente, muitas dores de antanho também se acumulam. Costumo brincar que uma dor nova nos ajuda a esquecer uma dor anterior.

Hoje, eu acredito fortemente que o segredo para apreciarmos a nossa maturidade e a nossa velhice é aprendermos a conviver, de modo sereno, com as dores – tanto as “físicas” que latejam em nossos corpos  quanto as “espirituais” que laceram nossos corações e mentes. Também acredito que a maior contribuição que uma Arte Marcial pode trazer para a vida de um praticante seriamente dedicado às suas técnicas e aos seus princípios filosóficos é o aprendizado de como lidar com a dor. Daí o grande número provações cotidianas que acompanham o treinamento de um verdadeiro Artista Marcial.

Bons dias !!!

Boosabum Eduardo Godoi (3o. Dan)

Ch’ang Hon Ryu Taekwon-Do Brasil
Academia Shaolin – Louveira – SP
Rua Armando Steck, 294 – sala 2 – Centro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: