Pioneiros do Taekwon-Do ITF / Taekwondo WTF no Brasil

por Eduardo Godoi

Prezados Leitores

Embora ainda reificando o mito da ancestralidade do Taekwon-Do e das suas origens no Taek Kyon (na verdade, o General Choi, Hong Hi desenvolveu o estilo Ch’ang Hon a partir do Karate Shotokan: ver Uma breve história dos Ch’an Hon Tul´s), os pesquisadores  da UNIVAG Edmilson Borges Müller e Jorge Eto publicaram, recentemente, um excelente artigo abordando a trajetória dos pioneiros do Taekwon-Do ITF / Taekwondo WTF no Brasil. Mais uma vez encontramos uma referência ao envio dos primeiros Instrutores ao Brasil com o intuito de treinar as forças de repressão política da ditadura militar no Brasil. Ressoava ainda,  no mundo o envolvimento, em 1967, de Mestres e Instrutores de Taekwon-Do a serviço da Korean CIA  no sequestro de duas centenas de imigrantes coreanos residentes na Alemanha, França, Áustria, Estados Unidos, Reino Unido, Austrália e Coréia do Sul. Os sequestrados eram enviados a Seul clandestinamente para serem presos e torturados. A ousadia da KCIA de atuar em territórios estrangeiros, no que ficou conhecido como “Incidente de Berlin Oriental” repercutiu fortemente na imprensa e o Taekwon-Do foi visto por alguns como uma ferramenta eficiente para o uso na repressão política (ver, sobre este assunto, os artigos: General Choi, Hong Hi, embaixador coreano no Brasil e O Taekwon-Do e a sua história) .

Grão Mestre Cho, Sang MIn, considerado oficialmente como o introdutor do Taekwon-Do no Brasil

Também o web site do Projeto Pégasus – Taekwondo para deficientes sugere que:

“Em 1970 chegou oficialmente ao Brasil o primeiro mestre de Taekwondo, que era o mestre Sam Mi Cho, indo treinar os integrantes do DOPS que ficava no quartel da ROTA (Rondas Ostensivas Tobias Aguiar), um quartel da polícia militar de SP, portanto o Taekwondo começou no Brasil num quartel da PM de SP. ” (http://taekwondoparadeficientes.blogspot.com/2011/03/breve-historia-do-taekwondo.html)

Empregando os métodos da “História Oral”, a pesquisa realizada por Edmilson Borges Müller e Jorge Eto conta muito sobre os primeiros Instrutores enviados pelo General Choi ao nosso país e, após uma abordagem geral sobre a história desta arte marcial no Brasil, o trabalho foca a introdução desta atividade em Cuiabá-MT. A leitura do texto é muito empolgante. Confiram em: História Oral do Taekwondo em Cuiabá-MT: Os primeiros Mestres.

Bons dias !!!

Boosabum Eduardo Godoi (3o. Dan)

Ch’ang Hon Ryu Taekwon-Do Brasil
Academia Shaolin – Louveira – SP
Rua Armando Steck, 294 – sala 2 – Centro

4 Respostas

  1. […] Por favor, leiam, também, o artigo “Taekwon-Do: separando o joio do trigo“, onde discuto a importância de “passarmos a limpo” a história do Taekown-Do ITF/ Taekwondo WTF.  E, sobre o chamado ”Incidente em Berlim Oriental”, leiam o artigo “Pioneiros do Taekwon-Do ITF / Taekwondo WTF no Brasil“. […]

  2. […] Prezados Leitores, sobre este assunto também vale muito a pena ler o artigo Pioneiros do Taekwon-Do ITF / Taekwondo WTF no Brasil. […]

  3. Edmilson Müller, é um excelente pesquisador e ótimo professor, e foi um atleta de renome e muito respeitado no taekwondo Brasileiro, muito bom o artigo publicado por ele.

  4. Parabéns, Ao prof de Taekwondo, Edmilson Müller, ótimo atleta de taekwondo, e excelente professor na área da educação física, na docencia dos cursos superiores.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: