Um fim ao Jet

por Laís SemisImagem

Muito mais do que as outras bandas de sua geração, o Jet bebeu diretamente de um rock mais cru e tem em si muito mais da energia e som dos Rolling Stones e AC/DC do que qualquer Libertines, Strokes ou White Stripes.

Formada em 2001, o primeiro disco veio em 2003, “Get Born” que automaticamente colocou os australianos no topo das paradas com o hit “Are You Gonna Be My Girl?”, seguido dos singles “Look What You Done”, “Rollover DJ”, “Get Me Outta Here” e “Cold Hard Bitch”. Os dois álbuns que se seguiram não atingiram o público da mesma forma, no entanto, “Shine On” (2006) e “Shaka Rock” (2009) mantiveram a ira e a aura do lançamento da banda.

Antes de seu lançamento oficial, os australianos produziram um LP independente, o “Dirty Sweet” que teve sua pequena tiragem inicial esgotada. Formada pelos irmãos Nic e Chris Cester, em companhia de Cameron Muncey e Mark Wilson, eles nunca esconderam o amor ao rock clássico, se permitindo ir do folk ao hard rock sem maiores problemas. Segundo os integrantes, a banda havia sido criada num cenário que estava morto e que a proposta deles tirar as pessoas das raves e colocá-las de volta nos bares. O fato de se basearem e se parecem com tantas bandas clássicas não trouxe só admiração, mas também muitas críticas que acusavam o Jet de não ser nada além de uma imitação de outros artistas.

A vitalidade se tornou sua marca, o Jet soube como controlar as músicas furiosas e as baladinhas redentoras dentro de seus discos, por mais que não fossem inovadores. No entanto, os problemas internos entre os integrantes e pessoais também tiveram sua parcela de culpa nas turbulências da carreira que pareceu ter voltado recuperado em seu terceiro álbum. Sem explicações, em março, após um período desaparecidos das mídias, a banda australiana Jet anunciou seu fim com uma pequena nota em gratidão aos fãs, que tinham esperança de que um novo álbum viria para 2012.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: