Partida de hits

Na metade dos anos 90, Samuel Rosa e os colegas do Skank já provavam o sabor do mega sucesso. “Garota Nacional” tocava o tempo todo nas rádios e os programas de TV além de reprisar as apresentações da banda, sempre os tinham como convidados. Mas Samuel Rosa tinha outras preocupações. “Nós já tínhamos assistido à trajetória de vários grupos dos anos 80, não bastava ter o sabor do hit cantado pelo Brasil inteiro, isso não dava tranquilidade”.

Skank+cosmotron

Mas o Skank teve muito mais que o prestígio de um hit cantado pelo país, conquistou temas de aberturas de novelas globais e seus hits, se compilados, não caberiam nem em um álbum triplo. Apesar do constante sucesso, ele não foi instantâneo e teve que passar por cima dos estereótipos. Vindos de um tempo que as bandas de rock eram predominantes do Rio e São Paulo, eles acreditaram que o rock poderia tomar as terras mineiras, mesmo quando as gravadoras ainda não botavam fé.

Com quase 22 anos de estrada e 6 milhões de cópias vendidas, a banda formada em Belo Horizonte se permite correr por um viés pop, em que se abordam temáticas românticas, em sua grande maioria, e paixões que às vezes flertam com o futebol. O outro grande gosto do vocalista Samuel Rosa que sonhou ser jogador e, aos 14 anos, tentou entrar para o Atlético Mineiro, sem sucesso.

 

O homônimo primeiro álbum teve repercussão local, no entanto, os álbuns seguintes levaram as turnês do Skank à outros países latinos, aos Estados Unidos e à Europa. Seus covers e versões trazidas de outras línguas, como “Tanto” (I Want You, de Bob Dylan), “Vamos Fugir” (Gilberto Gil) ou “Estare Perdido Em Tus Dedos” (versão em espanhol de Wrapped Around Your Finger, do The Police) sempre foram aceitos por trazerem algo próprio do Skank.

Hoje, duas décadas depois, olhando para trás, parece que as apreensões de Samuel Rosa estiveram bem longe de se tornarem reais.

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: